O diário da Inês

terça-feira, 25 de abril de 2017

Muffins de Nutella

Apesar da falta de tempo não podia hoje deixar de partilhar a minha participação no desafio do Cantinho das Cozinheiras, sendo que ainda por cima a receita já estava feita.
Quando vi que o blogue escolhido era O cantinho da Bela, fui logo investigar o que iria fazer. A decisão não foi fácil pois eram muitas as receitas que me apeteciam fazer. Ainda pensei em fazer mais do que uma, mas a falta de tempo fez com que tenha feito apenas estes gulosos muffins de nutella. A receita original pode ser vista aqui e eu segui a receita à risca.

Ingredientes: 
  • 260 g farinha
  • 2 colheres de chá de fermento em pó
  • 60 g de açúcar
  • 100 g de leite
  • 100 g de manteiga sem sal
  • 2 ovos
  • nutella q.b.

Modo de preparação:
1. Colocar a manteiga no copo e programar 2.5 min./70º/vel.1.
2. Acrescentar os ovos e o leite e programar 30 seg./vel.4.
3. Acrescentar o açúcar e programar 10 seg./vel.4.
4. Acrescentar a farinha e o fermento e misturar 30 seg./vel.4.
5. Com uma colher de sopa, colocar uma colher de massa nas formas, colocar uma colher se sobremesa de nutella e por fim outra colher de massa e levar ao forno, pré-aquecido a 180 ºC, durante cerca de 25 minutos.






segunda-feira, 24 de abril de 2017

Comidas da mamã com... Os petiscos da Gracinha

Sei que tinha dito que iria estar ausente por aqui durante uns tempos, mas faço uma pausa para fazer uma partilha hoje e outra amanhã.
Hoje venho partilhar convosco o Comidas da mamã com... Os petiscos da Gracinha. No blogue da Gracinha podem encontrar receitas simples, diferentes e excelentes ideias para as vossas refeições do dia-a-dia. Para além deste blogue de receitas a Gracinha tem mais 3 blogues, Os olhares da Gracinha, Os pensamentos da Gracinha!? e Das mãos da Gracinha.  Visitem todos eles e vejam as excelentes partilhas que a Gracinha faz connosco.
Sem vos prender mais deixo-vos com o testemunho e receita da Gracinha.

"Inês ... a minha mãe era uma mulher muito ativa e o trabalho no campo era o que mais a atraía!
As suas refeições primavam por sabores da terra ... e na simplicidade dos temperos!
Recordo o aroma do ... seu café feito na cafeteira ... que exige uma técnica ancestral para ficar perfeito!
A sua chanfana ficava sempre "soberba" bem como o leite creme ... tudo sem peso nem medida!
O "cozer" a broa em forno de lenha ... era uma arte que dominava!
As sua sopas de feijão ... eram um sucesso em família e não só ... bem como o seu arroz doce!
Com ela aprendi a cozinhar com simplicidade ... no salutar e sobretudo no poupar!

Por isso ... pensei em partilhar uma receita que fazia pela Páscoa:


A chanfana
... protegida pela gordura ...
conserva-se durante
algum tempo!

SOPAS de CASAMENTO
(prato típico em dias de festa)

Um dia ... meu pai manifestou vontade
de as comer ... (minha mãe já tinha falecido)
e foi ele que me orientou:


Cozem-se couves com esparguete!
Desfaz-se pão escuro ... e eu juntei broa!


Retira-se molho do caçoilo da chanfana:


Deixa-se apurar esta mistura
...
e eu acrescentei um pouco
 da carne desfiada
e um pouco do molho das couves 
com a esparguete!



Já tinha provado estas sopas!
Além de ser uma refeição "poderosa"
é muito saborosa!!!"


Obrigada Gracinha por esta partilha tão caseira, tão cheia de sabor e reconfortante. É uma verdadeira novidade para mim pois não conhecia, mas é um prato em que se olha e penso logo em comida de mãe/avó! E ao falar do café de cafeteira trouxe-me tão boas lembranças com esse café que eu tanto gosto! É assim mais uma excelente partilha aprovada pelo Comidas da mamã...





quarta-feira, 12 de abril de 2017

Filetes de peixe com corn flakes

Vi uns filetes de peixe panados com Corn Flakes no blogue Delícias da Vó Deo e logo decidi que ia ter que fazer algo semelhante aqui em casa. Alterei um pouco o tempero e fiz no forno em vez de fritar, de resto está igual. E como a sexta-feira santa está a chegar a minha sugestão é que aproveitem para experimentar esta receita nesse dia, já que diz a tradição (para quem a segue), que nesse dia não se deve comer carne.

Aproveito também para levar esta receita para a mesa da Marta do blogue, Intrusa na Cozinha, cujo ingrediente do mês, este mês, é o arroz. Sei que é apenas um acompanhamento e não sei se merece destaque mas eu gosto tanto de arroz de tomate que sou capaz de fazer uma refeição só dele.

Como o tempo anda um pouco curto aqui por estes lados, muito para fazer e o tempo passa a voar, nos próximos tempos irei ter que parar as minhas partilhas. Claro, que vou tentar manter a minha participação nos desafios em que costumo participar, mas de resto não deverei publicar muito mais. Vamos ver se consigo voltar em breve e cheia de força, pois tenho tanta coisa em atraso para partilhar convosco.

Boa Páscoa! 

Ingredientes para o peixe:
  • filetes de peixe
  • limão
  • polvilho doce
  • ovos
  • salsa
  • corn flakes (esfarelar ligeiramente com as mãos) - usei uns 0 açúcares
  • sal e pimenta q.b.

Modo de preparação do peixe:
Tempere os filetes com limão, sal e pimenta e deixe a marinar durante pelo menos 30 minutos.
Passe os filetes primeiro por polvilho doce, depois por o ovo batido misturado com a salsa e por fim pelos corn flakes esfarelados.
Colocar num tabuleiro de ir ao forno e levar ao forno, a 180º, até que os filetes estejam cozinhados.


Ingredientes para o arroz de tomate:
  • tomates
  • polpa de tomate
  • cebola
  • alho
  • azeite
  • salsa
  • arroz
  • água
  • sal

Modo de preparação do arroz de tomate:
Num tacho colocar o azeite, a polpa de tomate, a cebola, o alho, a salsa e os tomates tudo picado e fazer um refogado. Juntar a água e o sal e quando a água começar a ferver juntar o arroz, deixar cozinhar até o arroz estar quase seco se preferem arroz malandro ou deixar secar a água toda, se são cá dos meus e gostam dele bem seco!



terça-feira, 11 de abril de 2017

Roulotte

Quando vou ao centro comercial, por norma procuro sempre algo novo que não conheça, não sou muito de ir aos mesmo sítios de sempre. Desta vez e numa noite em que fomos ao cinema, decidimos jantar pelo Norteshopping. Depois da voltinha da praxe para ver o que há optámos pela Roulotte, que até à data eu desconhecia. 
Eu decidi comer um prego e ele um hambúrguer. O hambúrguer por levar pimentos (que eu não gosto) não consegui achar grande piada. Já o meu prego estava óptimo, a carne tenra, cozinhada no ponto certo, com o queijo e a compota de cebola a casarem na perfeição.
Assim é uma boa opção para quando forem ao centro comercial. O preço é que para o tamanho que o prego tinha me parece um pouco elevado. Quando há coisas em volta mais baratas e servidas em maior quantidade, essa pode ser uma razão que leva as pessoas a preferirem ir ao vizinho do lado! 

Morada: Norteshopping, Rua Sara Afonso, 105-117, Piso 1, Loja 1.162, Matosinhos





Hambúrguer grill BBQ (hambúrguer de novilho, legumes grelhados, queijo cheddar, alface e molho BBQ)

Preguinho da Serra (bife de alcatra, queijo da serra, compota de cebola e manteiga)


segunda-feira, 10 de abril de 2017

Comidas da mamã com... Recanto com Tempero

Pois que chegámos novamente ao dia em que quem cozinha por aqui é uma convidada. Hoje no Comidas da mamã com... tenho o prazer de ter a Ana, responsável pelo blogue Recanto com Tempero. A quem não conhece este blogue eu aconselho a que passem por lá e vejam as maravilhosas receitas com que ela nos brinda. São desde receitas simples para o dia-a-dia, até aos bolos mais lindos e gulosos que vocês possam imaginar. A sério, passem por lá, vejam os bolos que ela faz e digam-me se não tenho razão.  
Podia dizer muito mais, mas não vos prendo mais para que possam ver a receita da Ana


"Fui convidada pela minha querida Inês, mentora do blogue O diário da Inês, a participar na sua rubrica “Comidas da mamã com...”. Não foi nada fácil decidir a receita, pois o leque de escolhas é bastante vasto. Contudo, os pratos que mais aprecio e recordo da minha infância, feitos pela minha mãe, são as massadas. Sempre apetitosas e reconfortantes. Saciam o corpo e a alma! Por isso, escolhi esta bela massada com carne e legumes!
O bichinho pela cozinha começou desde cedo. Sempre gostei de ver a minha mãe a cozinhar. No entanto, confesso que o meu verdadeiro gosto nesta área despertou depois de casar, quando comecei a decidir sozinha o que comprar e confecionar para todas as refeições. De qualquer forma, a minha mãe sempre foi e continuará a ser uma inspiração para mim. E há pratos que ninguém faz como ela!
Agradeço à Inês este convite, esperando que experimentem e apreciem a minha sugestão.


Massada com carne e legumes
RECEITA

INGREDIENTES
1 cebola (média)
azeite q.b.
2 folhas de louro
1 cubo de caldo de carne
2 dL de água morna
2 dL de vinho branco
2 colheres (sopa) de polpa de tomate
500 g de carne bovina
1 chouriço de carne
1 cenoura (grande)
100 g de ervilhas (usei congeladas)
300 g de massa (usei macarrão grande)
sal q.b.
pimenta preta moída q.b.
água q.b.

MODO DE PREPARAÇÃO
Descasque a cebola e pique-a para um tacho (grande).
Adicione o azeite as as duas folhas de louro.
Leve o tacho ao lume até a cebola começar a dourar.
Acrescente o vinho, o cubo de caldo de carne dissolvido previamente na água morna e a polpa de tomate. Mexa e deixe levantar fervura.
Junte a carne partida em bocados e tempere com sal e pimenta. Deixe-a estufar lentamente.
Entretanto, corte o chouriço em rodelas, descasque a cenoura e corte-a também em rodelas. Reserve.
Quando a carne estiver estufada, retire-a e reserve.
Acrescente água abundante (suficiente para depois cozinhar a massa) ao molho que ficou no tacho. Quando ferver, adicione a cenoura, as ervilhas e o chouriço. Deixe cozinhar um pouco.
Junte a massa e retifique os temperos.
Deixe a massa cozinhar durante o tempo indicado na embalagem. 

Quando a massa estiver pronta, desligue o fogão e junte-lhe novamente a carne. Envolva bem e está pronto a servir."




Obrigada Ana por teres aceite o meu convite e por teres trazido um prato tão tradicional, saboroso e claramente de mamã! Como dizes é um prato que reconforta corpo e alma. É pois mais uma receita aprovada! :)


sábado, 8 de abril de 2017

Biscoitos Bilbaus

Foi no Mercado Rural -  O Berdinho (Centro Comercial Bombarda, Porto) que conheci estes biscoitos deliciosos. E de que são estes biscoitos perguntam vocês. São e transcrevo tal como está na página de Facebook deles "biscoitos de amêndoa caseiros confeccionados de forma artesanal e seguindo uma receita familiar antiga usando apenas produtos portugueses".
A senhora que nos vendeu os biscoitos explicou que estes eram muitos bons se acompanhados com café ou vinho do Porto, que ambas as bebidas intensificavam o sabor a amêndoa do biscoito. Posso dizer que já experimentei com ambas as bebidas e confirmo, tanto o café como o vinho do Porto tornam o sabor a amêndoa ainda mais intenso e delicioso.
Para saberem mais informações, saber onde estão presentes ou até encomendas podem ir à página de Facebook aqui





sexta-feira, 7 de abril de 2017

Waffles

Quem não gosta de waffles? Acredito que sejam muito poucos os que respondem a esta questão com um eu.
Esta receita que vi no blogue A Casinha das Bolachas cativou-me logo por levar tão poucos ingredientes, pouco açúcar e nenhuma manteiga. Já foi feito várias vezes, comido com chocolate e com mel e sabe sempre bem! Não quer dizer que de vez em quando não nos apeteça uns daqueles menos saudáveis cheios de açúcar e manteiga, mas estes dão para matar o desejo muito bem. 

Ingredientes:
  • 1 chávena de farinha
  • 1/2 colher de sopa de fermento
  • 1/4 de colher de chá de sal
  • 1 colher de sopa de açúcar
  • 1 ovo
  • 1 chávena de leite (250 ml)

Modo de preparação:
Colocar numa tigela a farinha, o fermento, o sal e o açúcar e misturar. Juntar o ovo e o leite e misturar bem.
Colocar a massa na máquina dos waffles e deixar até dourar.

Nota: Esta massa rende 7 waffles.




quinta-feira, 6 de abril de 2017

Restaurante Atlântico

Este restaurante fica localizado mesmo em frente ao mar, podem ver nas fotos abaixo a paisagem que se encontra na frente do restaurante, por isso é um bom sitio para ir em dias de sol, pois depois sempre podem aproveitar para dar um passeio. 
Foi-nos dito que o arroz de marisco era muito bom, e que os filetes de pescada eram fantásticos. Dos filetes duvidei um pouco, pois pensei como uns filetes de pescada poderiam ser fantásticos? A verdade é que tenho que dar a mão à palmatória pois os filetes eram realmente fantásticos, muito bem temperados e bem panados. Já o arroz de marisco não o achei assim tão espectacular. Mas, a verdade é que tinha imenso camarão sendo que a grande maioria já vinha descascado, o que é sempre bom.
As lulas grelhadas estavam saborosas e tenras. 
As sobremesas eram saborosas mas nenhuma das duas que provei me fascinou.
O atendimento foi rápido e simpático.

Morada: Av. da Praia de Angeiras 676, Lavra



Arroz de marisco

Lulas grelhadas

Filetes de pescada

Molotof

Tarte de amêndoa




quarta-feira, 5 de abril de 2017

Parece que ele também cozinha - Pão rápido na Bimby

Uma tarde destas em que começava a dar aquela vontade de lanchar vimos que não havia pão em casa. Assim tínhamos a opção de fazer pão. Procurei uma receita que fosse rápida de fazer e ele meteu mãos à obra e fez este lindo, fofo e delicioso pão que levou no total uns 40 minutos desde que se começou a fazer até lhe darmos a primeira dentada. :)

Ingredientes:
  • 300 g de água
  • 500 g de farinha sem fermento (na receita original fala em T65 mas nós usámos T55)
  • 1 saqueta de fermento seco (a que usei tinha 7 g)
  • 1 colher de chá de sal
  • 1 colher de chá de açúcar

Modo de preparação:
1. Ligar o forno a 180º.
2. No copo da bimby colocar a água e o fermento e programe 3min./37ºC/vel.2.
3. De seguida adicionar  a farinha, o sal e o açúcar e programe 4 min/vel. de espiga.
4. Moldar o pão, fazer um corte a meio ou em cruz e levar ao forno num tabuleiro enfarinhado durante cerca de 30 minutos e aumenta-se a temperatura para 200º.



terça-feira, 4 de abril de 2017

República dos cachorros

República dos Cachorros, pelo nome o que pensariam ser o prato principal e qual pensariam ser a ementa? Eu confesso que ia com a ideia de que esta seria uma casa onde se vendiam imensas variedades de cachorros. Quando chego e vejo a lista tenho que confessar que foi impossível não ficar desiludida. É que na lista só constavam 3 cachorros, o simples, o misto e o especial. Bom, assim a decisão estava feita sem ter a habitual dificuldade perante o que escolher para comer. É que se estava num sitio em que o nome contem a palavra Cachorros eu tinha que comer um cachorro, pedi o especial que é servido com molho de francesinha. 
Para quem não está habituado aos cachorros típicos do Porto (penso que sejam típicos daqui pois foi aqui que os vi pela primeira vez), a recepção deste cachorro pode ser um choque! Para mim não foi pois já os conhecia. Este tipo de cachorro é feito com um pão comprido, estreito e que é torrado, pelo menos o pão apresenta-se com consistência de torrado. Leva queijo por cima e molho de francesinha. O cachorro era saboroso, com o pão muito crocante, o molho saboroso e picante. 
As batatas fritas são pagas à parte o que me faz achar que os 6€ pedidos pelo cachorro sejam um pouco caro.
O atendimento foi rápido e eficiente e o restaurante rapidamente encheu.

Morada: Praça dos Poveiros, 30, Porto




Cachorro especial (queijo, fiambre e molho de francesinha)



República dos Cachorros Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato