O diário da Inês

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Bolo de laranja inteira

Se soubessem o tempo que eu andei para fazer um bolo de laranja inteira, mas depois pensava sempre que era estranho usar a casca e nunca mais fazia. Foi a Marta, com o seu blogue Intrusa na Cozinha, e a escolha do ingrediente do mês ser a laranja que me levou a decidir finalmente experimentar este bolo. A receita, já há muito guardada é do blogue A Casinha das Bolachas. No final chego à triste conclusão do tempo que andei a perder sem provar este belo bolo. É super simples de fazer, fica muito fofo e sabe tão bem! Não tenham receio e experimentem também. 
Usei a bimby para o fazer, mas quem não tiver pode usar um liquidificador, ou não tendo um, uma varinha mágica. 

Ingredientes:
Para o bolo:
  • 4 ovos L
  • 2 chávenas de açúcar (chávena com a capacidade de 250 ml)
  • 2 chávenas de farinha
  • 2/3 de chávena de óleo
  • 2 colheres de chá de fermento
  • 1 laranja
  • 1 pitada de sal
Para a cobertura:
  • sumo de 1 laranja
  • 1 colher de sopa de açúcar em pó

Modo de preparação:
1. Coloque no copo da bimby os ovos, o óleo, o açúcar, o sal e a laranja partida em 4 partes (tiram só os caroços e algumas fibras brancas maiores se tiver) e programar 3 min/vel 6.
2. Adicionar a farinha e o fermento e programar 20 seg/vel 3.
3. Colocar numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha e levar ao forno, a 180º, cerca de 45 minutos.
4. Misture o sumo de laranja com o açúcar em pó e leve cerca de 1 minuto ao microondas para que o açúcar fique derretido.
5. Após desenformar o bolo faça vários furos com um palito e regue com o sumo de laranja.







quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Pick Me

Havia já algum tempo que queria passar pelo Pick Me, mas como fecha ao fim de semana lá ia passando o tempo sem lá ir. Um dia destes durante a semana tive a oportunidade de passar por lá num almoço com amigos. Ao almoço há sopa, tosta, quiches ou wraps. Quando nós fomos havia umas 4 variedade de quiches e já só havia dois wraps, um de frango e um de atum. Optámos pelas quiches e pelas tostas. A sopa estava saborosa, mas tinha picante, por isso quem não aprecia picante na sopa não será a melhor opção. As quiches estavam saborosas e o pão da tosta também é bom. Para sobremesa comemos uns muffins, saborosos e super fofos, a um preço bem simpático, 0.30€.
Na lista constam vários sumos naturais, mas pareceu-me só haver o sumo do dia. Estranho, estranho é o facto de só terem água com gás, água sem gás só mesmo da torneira.
A decoração do espaço é engraçada e acolhedora.

Morada: Rua 15 de Novembro, 47, Porto



Creme de courgette 

Quiche de cogumelos e alho francês re quiche de bacon, mozzarella e tomate

Tosta mista com queijo, fiambre e tomate cherry

Muffin de coco e muffin de lima









Pick Me Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Migas de couve galega com bacon

Antes não gostava de broa de milho, depois passei a gostar e muito das côdeas de broa e hoje em dia já gosto de tudo, embora continue a preferir as côdeas. Por isso não é de espantar que tenha ficado com estas migas de couve galega com bacon do blogue da Marlene, o Da Panela para o Coração, debaixo de olho assim que a vi. Um dia em que tinha carne grelhada e não tinha acompanhamento resolvi testar estas migas e posso já adiantar que fiquei fã! 

Ingredientes:
  • 500 g de couve galega cortada como se para fazer caldo verde
  • 60 g de cubos de bacon
  • 3 dentes de alho picados 
  • 1 broa de milho com cerca de 500 g
  • azeite q.b.
  • pimenta q.b.

Modo de preparação:
Retirar o miolo da broa e esfarelar com as mãos. Reserve. As côdeas podem usar para fazer pão ralado ou fazem como eu que as comi com manteiga, pois sou bem gulosa por côdeas de broa. 
Numa panela coloque água e a couve e leve a ferver durante alguns minutos, apenas para escaldar. Escorrer bem a água e reservar.
Numa frigideira coloque um bom fio de azeite e cozinhe o alho com o bacon. Quando começar a alourar junte a broa. Vá mexendo até a broa começar a ganhar cor. Junte a couve e tempere com pimenta moída. Saltear mais 2 ou 3 minutos e está pronto a servir. 






terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Talho burger

É verdade que casas de hambúrgueres é o que não falta por ai, mas a curiosidade fala sempre mais alto e eu acabo por as ir experimentando. Desta vez foi no Via Catarina, andava a ver o que jantar e o Talho Burger despertou-me a atenção. Gostei do facto de dizerem que picam carne seleccionada diariamente lá no talho, que também cortam diariamente as batatas e que só fazem o nosso hambúrguer após fazermos o pedido.
Assim, lá fui experimentar. Fiz o pedido e foi-me dada uma daquelas máquinas que apitam para nos avisar quando o nosso pedido estiver pronto. Optei por um dos hambúrgueres mais simples e no geral gostei, a carne é bem saborosa, os restantes ingredientes são bons, a dose é generosa e as batatas fritas são boas. Só o que não gostei foi de ter encontrado duas ou três coisas duras no meu hambúrguer. Eu sei que sou muito picuinhas com estas coisas e que acabo por encontrar coisas que a maioria das pessoas nem  as detecta, mas o que fazer, sou assim e pronto. Tirando isso, gostei da experiência. 

Morada: Via Catarina, Rua de Santa Catarina, 312-350, Piso 4, Porto



Cheese burger (queijo cheddar, maionese, alface e tomate)

Talho Burger Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato